Conferência Internacional

Especialistas de áreas tão diversas como a agricultura, a tecnologia, a gastronomia, a educação, a nutrição e outras, vêm ao Palácio Nacional de Queluz debater o que se faz hoje, e o que se poderá fazer amanhã, por uma alimentação melhor, e mais sustentável, para todos.

Data: 19 e 20 de outubro 2018

Palácio Nacional de Queluz (auditório)

Horários:
19 de outubro, das 9h30 às 18h00
20 de outubro, das 9h30 às 13h00

Público: generalista e especializado

Lotação: 120 pessoas

Atividade exclusiva: Passeio botânico pela mão da herbalista Fernanda Botelho, pelos Jardins do Palácio Nacional de Queluz. Usos das plantas aromáticas e medicinais e das ervas silvestres na cozinha, na horta e na saúde. (Dia 20 | 15h00 | Duração: 60 a 90 min. | Lotação limitada)

Custo de participação: €20 (€10 para estudantes e residentes no Concelho de Sintra)

PROGRAMA
Painel 1 (19 Out. | 10h00)

Proteger e valorizar o património frutícola da região de Sintra. Processos de certificação DOP e IGP?

  • José Vicente-Paulo – Cooperativa Agrícola de Sintra;
  • Cristina Hagatong – Direção-Geral de Agricultura e Desenvolvimento Rural;
  • Vito Rubino — Università del Piemonte Orientale;
  • Moderação: Fortunato da Câmara.
Painel 2 (19 Out. | 11h45)

O futuro da alimentação. Preservar um património sustentável mudando hábitos de consumo.

  • Álvaro Toledo – FAO, Tratado Internacional para os Recursos Genéticos para Alimentação e Agricultura;
  • Dulce Freire – ICS – Universidade de Lisboa, Projeto ReSEED;
  • Raúl Rodrigues – Escola Superior Agrária de Ponte de Lima;
  • Moderação: Alexandra Prado Coelho.
Painel 3 (19 Out. | 14h30)

Novos produtos da região de Sintra. Projetos e desafios do presente.

  • Afonso David – EcoAldeia de Janas;
  • Joana Oliveira – Boomberry;
  • André Antunes e Henrik Ellerbrock – Chão-Rico;
  • Manuel Costa e Oliveira – Quinta da Reineta;
  • Moderação: Fortunato da Câmara.
Painel 4 (19 Out. | 16h15)

Hábitos alimentares na região de Sintra e nos monumentos da Parques de Sintra, em diferentes épocas.

  • João Luís Fontes — IEM – Universidade Nova de Lisboa: À mesa com os frades. Alimentação e frugalidade nos conventos capuchos;
  • Dolores Villalba Sola — IEM – Universidade Nova de Lisboa: Dining in the Castle of the Moors: islamic food in the 12th Century;
  • Ricardo Cordeiro — IEM – Universidade Nova de Lisboa: Alimentação, práticas quotidianas e cerimoniais da Corte na Vila de Sintra. As vivências da Condessa d’Edla entre o Palácio e o Chalet do Parque da Pena (1870 – 1910);
  • Moderação: Maria João Branco — IEM – Universidade Nova de Lisboa.
Painel 5 (20 Out. | 10h00)

Experiências de turismo cultural assente em património alimentar.

  • Rita Beltrão Martins – Terrius;
  • Luís Sebastian – Direção Regional de Cultura do Norte;
  • Elena Viani — Projeto East Lombardy – European Region of Gastronomy;
  • Moderação: Ana Barbosa.
Painel 6 (20 Out. | 11h45)

Trabalhos de investigação nas áreas do património alimentar e turismo gastronómico em monumentos.

  • Call for papers
  • Maria José Pires — Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril: Educar para a Gastronomia. Pensar o futuro;
  • Moderação: Catarina Valença Gonçalves.
ATIVIDADE CONCLUÍDA

ORADORES E MODERADORES