Rita Beltrão Martins

Rita Beltrão Martins estudou Eng. Zootécnica na UTAD – Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (2005). Começou a carreira profissional na empresa Fertiprado (Vaiamonte – Alentejo), especializada em sementes de pastagens e forragens. De seguida (2008) iniciou o estudo na área da Qualidade e Segurança Alimentar, e fez o Mestrado em Segurança Alimentar e Inovação (2010). Paralelamente trabalhou como responsável de Qualidade numa industria tradicional de fabrico de transformados de carne em Lamego. Em 2011 co-fundou a Terrius – uma empresa sedeada em Marvão (Alentejo) que tem por objetivo recuperar produtos antigos como a farinha de castanha e de bolota, e desenvolver produtos inovadores com base em ingredientes da região. Desde 2013 que a Terrius organiza também Rotas de Turismo Gastronómico em diferentes pontos do Alentejo, com o objetivo de potenciar o interesse na Gastronomia da Região e na sua História e evolução. É também dado especial relevo aos produtos e aos seus produtores, através de visitas nos períodos de colheita dos diferentes produtos. A empresa Terrius integra ainda inúmeros projetos do âmbito da inovação, alimentação saudável, gastronomia, produtos naturais, entre outros. No final do ano passado (2017) Rita Beltrão Martins iniciou o Doutoramento Internacional – “Cadeias de Produção Agrícola: do Prato ao Prado”, uma parceria da UTAD com diversas Universidades nacionais e internacionais. O tema em estudo é a valorização de subprodutos e de produtos menos utilizados na alimentação humana, sob a forma de farinhas sem glúten e a sua utilização no fabrico de pão (com e sem glúten).